quarta-feira, 21 de maio de 2008

O que é um soneto?

É um poema que se estrutura formalmente em duas estrofes de quatro versos cada, os quartetos ou quadras, e duas estrofes de três versos cada, os tercetos - tendo, no todo, 14 versos.
Foi criado por Petrarca, escritor italiano. É importante notar que a forma de soneto "dois quartetos e dois tercetos", a mais consagrada na língua portuguesa, não é a única, havendo também sonetos de diversas divisões de estrofes, mas sempre com um total de 14 versos. Assim, existe o soneto inglês - usado por Shakespeare - e o soneto francês.
Os sonetos são poemas métricos cuja elaboração exige que todos os versos tenham o mesmo número de sílabas poéticas e um padrão definido de rimas. As métricas mais conhecidas e apreciadas são o decassílabo (10 sílabas poéticas) e o alexandrino ou dodecassílabo (12 sílabas poéticas), mas podem ser sonetos se contarem com mais ou menos sílabas.
Quanto à rima, é clássica a estrutura ABBA nas quadras, podendo os tercetos admitir variações de rimas emparelhadas, cruzadas e interpoladas.
O soneto possui uma estrutura lógica com uma introdução, um desenvolvimento e uma conclusão, constituída pelo último terceto; esta última tomou o nome de "chave-de-ouro", porque se constitui como decodificadora do significado global do poema.

Nenhum comentário: